Pão de Sementes

Adoro alimentos nutricionalmente ricos… Daqueles que nos saciam apenas com pequenas quantidades. E as sementes encontram-se claramente neste grupo. Ricas em minerais, vitaminas, proteínas, fibra e gordura insaturada, as sementes ajudam na prevenção de doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e tantos outros problemas.

A variedade de sementes é imensa mas as minhas preferidas são as de cânhamo, chia, linhaça, abóbora e girassol (já falei em cada uma delas em particular em outros posts). Atualmente já não é um bicho de sete cabeças encontrar estes pequenos alimentos, estão à venda em qualquer supermercado. Podem ser usadas no iogurte, papas, bolos, pão ou bolachas, tornando-os mais nutritivos. E dão aquele toque crocante que eu adoro…

Claro que é importante lembrar que as sementes devem fazer parte de uma alimentação nutricionalmente completa, variada e equilibrada, para que seja possível aproveitar os seus benefícios (lá porque fazem bem não convém abusar). Eu não dispenso a minha porção diária ao pequeno-almoço e ao lanche.

E que tal experimentarmos um pão de sementes? Sem farinhas refinadas, sem glúten, sem açúcar, sem leite e sem ovos. É uma sugestão muito completa para qualquer lanche e é mesmo saboroso. Se gostam de sementes e frutos secos tostados, este pão é para vocês. Pode ser congelado em fatias e torrado, fica prefeito!

Apenas uma nota, não se assustem quando lerem na receita que leva sementes de psílio, sei que não é um ingrediente do conhecimento da maioria das pessoas. O psílio (ou psyllium husk) é uma fibra solúvel que quando misturada com água se transforma numa espécie de gel que vai dar a elasticidade necessária às massas sem glúten, sendo por isso essencial para o sucesso desta receita. Podem encontrar psílio à venda na maioria dos supermercados biológicos (eu compro no Amor Bio).

Pão de Sementes

– 150g de sementes de girassol
– 20g de sementes de chia
– 80g de sementes de sésamo
– 20g de sementes de papoila (2 colh. de sopa)
– 50g de frutos secos (usei amêndoas e avelãs)
– 150g de flocos de aveia (usei sem glúten)
– 30g de sementes de psílio integrais (3 colh. de sopa)
– 1 colh. de sopa de geleia de arroz
– 1 colh. de chá de sal dos himalaias
– 3 colh. de sopa de azeite
– 350ml de água

1. Numa taça grande juntar todos os ingredientes secos: sementes, frutos secos, flocos de aveia, psílio e sal.
2. Num outro recipiente, misturar a geleia de arroz com a água e o azeite.
3. Juntar o conteúdo das duas taças e misturar bem.
4. Colocar a massa numa forma retangular forrada com papel vegetal e alisar bem.
5. Deixar repousar durante 2h à temperatura ambiente.
6. levar ao forno pré-aquecido a 180º durante cerca de 20 minutos.
7. Passado esse tempo tirar o pão da forma e levá-lo de novo ao forno, em cima de uma grelha, durante mais 20 ou 30 minutos, até estar com a crosta bem rija e dourado à superfície.
8. Deixar arrefecer e fatiar.

Mais uma inspiração do magnífico Creme de Avelãs.

  • Eu também adoro sementes, simplesmente misturadas com iogurte/quark ou utilizadas de forma mais elaborada, não interessa – ficam sempre maravilhosas!
    Em pão também adoro, mas os pães de sementes das pastelarias têm sempre a desvantagem de serem pouco saudáveis à parte das sementes que têm coladas. Fazer em casa é tão melhor!
    Estava a ir guardar a receita para fazer quando reparei que te tinhas inspirado na minha 😛 Ainda bem que gostaste, o teu ficou mesmo lindo e apetitoso 😀

    • Maria

      🙂 Este pão é mesmo bom, obrigada pela partilha!