Jardineira de Seitan

O seitan é um alimento vegetal feito à base de glúten de trigo. É um alimento muito utilizado na culinária vegetariana como substituto da carne, pelo aspecto, textura e sabor semelhantes. É um alimento rico em proteínas e pobre em gorduras (cerca de 180 g de seitan são suficientes para satisfazer as necessidades proteicas diárias). Pode ser feito em casa mas, apesar de já ter aprendido a fazer, costumo comprar por ser mais rápido.

Esta jardineira é um dos meus pratos preferidos, sai sempre bem. É uma refeição rápida, saborosa e equilibrada. Costumo usar seitan de espelta, é bem mais caro que o seitan de trigo mas a espelta confere a este prato uma maior riqueza nutricional, para além de ser mais fácil de digerir que o trigo (compro no Celeiro).

EstufadoSeitan

Aqui vos deixo a receita.

Jardineira de Seitan de Espelta com Arroz Integral (4 pessoas)

– 250g de seitan de espelta
– 1 cebola média
– 1 dente de alho
– ervilhas
– azeite
– polpa de tomate
– molho de soja
– sal e temperos
– 1/2 limão
– arroz integral

  1. Cortar o seitan em cubos e colocar num prato.
  2. Envolver com o sumo de limão, algum molho de soja, pitada de sal e outros temperos a gosto (eu costumo usar orégãos) e deixar marinar durante algumas horas (este processo vai permitir que o seitan absorva o sabor da marinada).
  3. Num tacho deitar a cebola e o alho picados e deixar alourar com o azeite. Juntar as ervilhas e deixar alguns minutos.
  4. Deitar a polpa de tomate, algum molho de soja (quantidades um bocadinho a olho) e mexer, deixando ao lume mais alguns minutos.
  5. Juntar o seitan e o líquido da marinada e deixar que os sabores se misturem.
  6. Passados alguns minutos deitar 1 copo pequeno de água, tapar e deixar estufar cerca de 15-20 minutos. A meio do tempo mexer e retificar temperos.

Servir com arroz integral. Eu acrescentei uma saladinha de espinafres temperados com molho balsâmico e ficou ótimo.

NOTA1: Costumo  juntar cenoura cortada aos triângulos juntamente com as ervilhas mas desta vez não tinha cenouras em casa.

NOTA2: O arroz integral que fazia no tacho nunca ficava como eu gosto, soltinho. Agora faço na Bimby e fica delicioso! Coloco o arroz no cesto (demolhado de véspera) com 1000 gr de água no copo e 1o gr de azeite, Temp. 100, Vel. 3 e meio, 40 minutos. Está pronto!